Please update your Flash Player to view content.

Breve História da CVX

A CVX é a continuação actualizada das Congregações Marianas, que tiveram origem num grupo fundado por um jesuíta de origem belga, Jean Leunis, em 1563. A primeira Congregação reunia alunos do Colégio Romano que desejavam viver de forma mais profunda a sua fé e trabalhar pelos pobres e excluídos e tornou-se rapidamente modelo para muitas outras. As Congregações tinham uma regra comum e, a partir de 1584, através da Bula Omnipotentis Dei, a primeira Congregação do Colégio Romano - a Prima Primaria -  tornou-se cabeça de todas as outras.

Durante o séc.XVI as Congregações Marianas multiplicaram-se, atingindo o seu ponto alto no decurso do séc. XVII. Em 1773, com a extinção da Companhia de Jesus, passam a depender da jurisdição dos bispos. Perdem unidade e, progressivamente, muito do seu espírito inicial.

Em 1948, através da Constituição Apostólica Bis Saeculari o Papa Pio XII, dá um estímulo fundamental à sua renovação. Os trabalhos que se seguiram desembocaram, em 1953, na criação de uma Federação Mundial de Congregações Marianas. A primeira Assembleia Mundial da Federação reúne em 1954 e elege o primeiro Conselho Executivo.

Inicia-se então um esforço prolongado de reencontro com as raízes inacianas. Em 1967, na 4ª Assembleia da Federação Mundial, reconhece-se que as transformações que advieram dessa redescoberta tornam necessária uma nova designação e a afirmação de um conjunto de novos princípios. Surgem pois as Comunidades de Vida Cristã. Os seus Princípios Gerais são confirmados pela Santa Sé em 1968 (Serão revistos posteriormente na Assembleia Mundial de Guadalajara, em 1990).

Nos anos que se seguem as CVX prosseguem o seu percurso de descoberta da sua identidade espiritual mas também comunitária. E em 1982, em Providence (USA) a Federação Mundial torna-se uma única Comunidade Mundial.

 

A CVX em Portugal

Em Portugal, onde existiam Congregações Marianas desde 1583, estas mantiveram-se à margem das mudanças que decorreram a partir de 1967. Os primeiros contactos com as CVX iniciaram-se apenas em 1974. Em 1975 surge, em Lisboa, um primeiro grupo de adultos. A partir de 1976, centrados no CUMN (Centro Universitário Manuel da Nóbrega), organizam-se, em Coimbra, diversos grupos de universitários.

Em 1979, na Assembleia Mundial em Roma, Portugal é proposto como membro da Federação Mundial das CVX mas a sua integração é confirmada na Assembleia Mundial de Providence (USA), em 1982.

Com a proliferação dos grupos CVX, sobretudo em Lisboa e em Coimbra torna-se necessário um maior investimento nas estruturas. Em 1983, são elaborados os primeiros Estatutos. Criam-se as primeiras equipas regionais e elege-se, em 1984, a primeira equipa nacional. A primeira Assembleia Nacional realiza-se em 1986.

Neste momento a CVX em Portugal está constituída em 6 regiões: Braga, Porto, Beira Litoral, Beira Interior, Sul e Além-Tejo, e inclui cerca de 1200 membros.